Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Dica do Blogueiro.


Retratos de Identificação será exibido em 30 de janeiro na 18ª Mostra de Cinema de Tiradentes.
Documentário sobre sobreviventes da ditadura que contam suas histórias quando se deparam com fotos tiradas pela polícia e por militares tem sessão às 14h30, no Cine Teatro SESI.



Durante a ditadura, os presos políticos eram fotografados em diferentes situações: investigações, atos de prisão, tortura, exames de corpo de delito, processos de banimento, inquéritos e necropsias. Esses retratos de identificação policial, produzidos com o objetivo de controle dos prisioneiros, ressurgem agora em Retratos de Identificação, de Anita Leandro, como provas de crimes e atos violentos perpetrados pelas Forças Armadas e pela Polícia Civil.
Resultado de quatro anos de pesquisa junto aos arquivos públicos, o documentário será exibido na sessão Cine Debate da 18ª Mostra de Cinema de Tiradentes, em 30 de janeiro, às 14h30, no Cine Teatro SESI. O filme traz à tona um conjunto importante de documentos textuais e iconográficos, até então desconhecidos, da história da ditadura militar.
A documentação mostrada no filme refere-se, especificamente, à prisão de quatro pessoas, todas barbaramente torturadas. No filme, os dois únicos sobreviventes desse grupo se deparam, pela primeira vez, com documentos e fotografias relativos a esses acontecimentos.





Antônio Roberto Espinosa, na época comandante da organização VAR-Palmares, conta como foi sua prisão ao lado de Maria Auxiliadora Lara Barcellos e Chael Schreier, e testemunha sobre o assassinato de Schreier. Reinaldo Guarany, do grupo tático armado ALN, relembra sua saída do território nacional em 13 de janeiro de 1971, em troca da vida do embaixador suíço Giovanni Bucher; a vida no exílio, sem documentos, e o suicídio de Maria Auxiliadora Lara Barcellos, com quem vivia na época em Berlim.
Alguns documentos revelados pelo filme, como as fotos de Chael Schreier, comprovam que ele não foi ferido em combate na noite da prisão, como pretende um documento forjado por um de seus torturadores, o capitão Celso Lauria. 

As fotografias, provenientes dos acervos de diferentes agências de repressão, como o DOPS da Guanabara e o Serviço Nacional de Informação, encontram-se, hoje, sob a guarda do Arquivo Estadual do Rio de Janeiro, Arquivo Nacional e Superior Tribunal Militar.

A Diretora



Documentarista e professora de cinema na Universidade Federal do Rio de Janeiro, Anita Leandro deu aulas, por 6 anos, na Université Bordeaux 3, onde coordenou o master profissional "Realização de documentários e valorização dos arquivos". Realizou diversos documentários e instalações audiovisuais. Sua pesquisa em torno dos acervos fotográficos das agências de repressão deu origem ao filme Retratos de identificação e às instalações sonoras da exposição Arquivos da ditadura (Centro Cultural Justiça Federal do Rio Janeiro, agosto-setembro de 2014).

Retratos de Identificação
Documentário, Brasil, 2014, cor, 71min
Realização: Anita Leandro / UFRJ / Comissão de Anistia do Ministério da Justiça (Projeto Marcas da Memória)
Direção: Anita Leandro
Imagem: Marcelo Brito
Som Direto: Alexandre Nascimento
Edição e Tratamento das Fotografias: Marta Leandro
Montagem: Anita Leandro
Corte final: Joana Collier e Isabel Castro
Videografismo: Guilherme Hoffmann
Criação Sonora e Mixagem: Edson Secco
Produção: Anita Leandro
Produção de Finalização: Amanda Moleta e Pojó Filmes
Assistente de Produção: Maíra Bosi
Finalização: Link Digital

post: Marcelo Ferla
fonte: F&M Procultura

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.