Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

terça-feira, 9 de agosto de 2016

Luciana Rodriguez


Fotógrafa cria série surreal para mostrar como é conviver com a depressão.
A depressão é uma doença que leva a pessoa ao seu lado mais obscuro e doloroso de tristeza. Ela pode gerar dores muito grandes física e emocionalmente. 
Quando afetado, o ser humano tende a pensar que está sozinho nessa e que ninguém mais sente essas mesmas dores. 
O que não é verdade.
É o que mostra a fotógrafa argentina Luciana Rodriguez, que, em uma série de autorretratos, tenta mostrar a beleza que se esconde por trás dos aspectos mais entristecedores da vida. 
Baseada em Córdoba, na Argentina, a fotógrafa faz uma viagem até o momento em que tudo passa por uma intensidade muito grande de escuridão, a procura de compaixão e empatia da sociedade
Com essas imagens, de acordo com ela, o público conseguirá enxergar que esses sentimentos são universais e qualquer um pode vir a senti-los. 
Além disso, Luciana diz que as imagens podem ser como uma espécie de purificação da alma, onde as pessoas desafiam a repressão emocional em que vivem.

Dá uma olhada:









Todas as fotos © Luciana Rodriguez

post: Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.