Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

sexta-feira, 7 de novembro de 2014

Falando nisso.


“Surto eleitoral” pode ter motivado nudez em Porto Alegre.
Daniel Favero
Direto de Porto Alegre

RS: ex-lutadora, mulher flagrada nua diz que fez 'desabafo'
Os dois casos de nudez pública ocorridos em Porto Alegre no decorrer de uma semana ganharam destaque na mídia. 

Protagonizados por mulheres que aparentavam algum tipo de surto psicótico, eles mostraram a fragilidade e o perigo que distúrbios sem tratamento podem gerar.
Momentos de sofrimento e indignação na vida de uma pessoa, aliados a alguma doença mental pré-existente, podem ocasionar esses episódios. No caso mais recente, ocorrido na noite de quinta-feira, uma lutadora de MMA andava nua pelas ruas e dizia fazer, entre outras coisas, um protesto político. O surto pode ser provocado por alguma indignação, tanto que em meio ao conturbado processo eleitoral vivido nas últimas eleições, muita gente apresentou sinais parecidos.
“O surto pode ter sido desencadeado por alguma indignação e também ser uma tentativa de protesto surtado (...) Vi muita gente surtar durante as eleições na internet. Muita gente em surto mesmo, e que ainda está surtada, médicos, advogados, promotores, juízes”, relata o psiquiatra Rogério da Paz.
No final da tarde desta quinta-feira, uma mulher vista caminhando nua pela Terceira Perimetral, movimentada via de Porto Alegre, disse a um repórter da RBS, filiada da TV Globo na região, ser ex-lutadora de MMA. 

"Eu não estou sem roupa, estou natural. O que não é natural é a gente não ter saúde. O que não é natural é uma atleta se tornar prostituta para sobreviver. 

O que não é natural é uma prostituta que devia ser rica virar sem-teto", disse. 

"Isso é um desabafo para mostrar que sou MMA. Eu era lutadora. No MMA, eu tinha oportunidade de revidar, porque eu estou preparada para estar lá. Eu sei o que vai vir pela frente. Agora, eu não tenho a mínima condição de contar com o meu governo. Sem segurança, sem alimento, sem moradia. Então, eu queria fazer um protesto à presidenta Dilma", completou a mulher que foi abordada pela Brigada Militar (PM gaúcha) e encaminhada para atendimento médico.
De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, ela já tinha apresentado problemas mentais, foi medicada e a equipe tenta contato com a família. Entretanto, no Facebook ela recebe mensagens de apoio de amigos e tem divulgado matérias publicadas pela mídia sobre o que aconteceu.
Em relação à mulher que se desnudou na quinta-feira da semana passada enquanto corria no Parque Moinhos de Ventos (Parcão), também em Porto Alegre, populares viram a moça se despindo conforme corria e acionaram a polícia. Ela foi detida e encaminhada para receber atendimento médico. Segundo os policiais que atenderam a ocorrência, ela apresentava confusão mental, não dizia coisa com coisa, nem sequer sabia informar o próprio nome. Neste caso, a equipe médica que a atendeu não identificou problemas mais graves. A nudez teria sido uma tentativa de se manifestar.
Para o psiquiatra Rogério da Paz existem níveis de surto: os mais leves e curtos e os mais graves, que podem ser provocados por um processo de sofrimento pelo qual a pessoa passa e potencializado por outras enfermidades como bipolaridade, esquizofrenia, borderline (transtorno de personalidade) e dependência química, para citar alguns exemplos.
“O surto é sempre uma coisa que está relacionada com a defesa psicológica ou biológica que não funcionou e a pessoa surta. O surto é uma maneira de se defender, mas de maneira inadequada, de um sofrimento. A pessoa quando está surtada, está sofrendo bastante, ela está sofrendo tanto que surtou, uma fuga da realidade, é uma maneira que pessoa encontrou para se defender“, explica, dizendo que é importante que não se faça julgamento moral de pessoas que estejam passando por um momento como esse.
Paz afirma que é possível identificar e tratar pessoas com acompanhamento médico e ajuda da família, além de algumas das enfermidades já apresentarem sinais desde a adolescência. “Quando uma pessoa surta assim, drasticamente, ela já vem surtada. Não surta de uma hora para a outra. Ataque histérico a gente vê toda a hora, mas não é surto psicótico”, diz. Segundo ele alguns sinais que podem indicar são a agitação excessiva, não dormir por noites seguidas e irritação.

post: Marcelo Ferla
fonte: site Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.