Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

terça-feira, 15 de outubro de 2013

Brasil desconhecido.


Sujou!
A ficha mais suja, segundo levantamento feito pelo STF, aponta o ex-governador de Roraima e ex-deputado federal Neudo Campos (PP) como o político com a ficha mais suja do Brasil. Ele é réu em seis ações penais e 14 inquéritos criminais apenas no Supremo, todos por peculato.
Responde ainda a sete ações penais no TRF-1 por crimes de quadrilha, peculato e improbidade. Suas condenações em primeira instância já somam 51 anos de prisão; mas elas têm os recursos, claro.
Sem mandato desde 2010, Campos quer concorrer em 2014 a uma vaga na Câmara. Está à procura de partido.
O bom patrão
Depois de ter contratado - por conta dos cofres públicos - a namorada de José Dirceu, o presidente do Senado, Renan Calheiros, também deu emprego a uma afilhada de Fernando Collor, seu aliado na política alagoana.
A seção ´Holofote´da Veja desta semana revela que desde 2011, a jornalista Tainá Falcão recebe R$ 4.200 para, segundo a assessoria de Renan, "produzir textos jornalísticos sobre o trabalho do senador". Mas, no Senado, são poucos os que já viram a moça na Casa. 
Quem acompanha a rotina no gabinete de Renan diz que é mais fácil encontrar Tainá na Record, onde ela dá expediente como repórter dos telejornais locais.
Ah! Tainá é filha do ex-deputado Cleto Falcão.
Bom dinheiro
Os vencimentos de Roberto Gurgel, em seu último mês como procurador-geral da República, foram consistentes: R$ 61.734,60 brutos.
A quantia inclui R$ 12.470,80 como "vantagens eventuais", R$ 3.004,21 como "abono de permanência" e R$ 18.238,54 como férias.
Jeitinho fechado
O apoio do PSDB à emenda favorável ao voto aberto no Congresso em todos os casos tem uma exceção: o partido quer que sejam fechados os votos para escolha dos presidentes das duas casas. Um dos beneficiários diretos do jeitinho é Renan Calheiros.
Candidato à reeleição e alvo frequente de denúncias nacionais, Renan só corre o risco de derrota caso a eleição seja em voto aberto.
Direito à privacidade ou liberdade de expressão?
A ministra Cármen Lúcia - relatora da ação direita de inconstitucionalidade, de autoria do Sindicato Nacional de Editores de Livros, que pede o fim da necessidade de autorização dos biografados - resolveu convocar artistas e escritores para uma audiência pública, dias 21 e 22 de novembro, no STF.
Na pauta, a polêmica em torno das biografias não autorizadas.
A ministra considera que a questão envolve duas garantias constitucionais igualmente relevantes: o direito à privacidade e a liberdade de expressão.

Marcelo Ferla
fonte: Espaço Vital

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.