Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

sexta-feira, 17 de outubro de 2014

Dica do Blogueiro.


Marina Colasanti, com o livro Breve história de um pequeno amor, vence prêmio Jabuti na categoria infantil.
Obra foi lançada em 2013 pela Editora FTD, que pelo segundo ano consecutivo está entre os vencedores do Prêmio.

  
A autora Marina Colasanti, com o livro Breve história de um pequeno amor, lançado em 2013 pela Editora FTD, é a vencedora do Prêmio Jabuti na categoria infantil. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (16), pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), responsável pela organização.
Este é segundo ano consecutivo que a Editora FTD é premiada na categoria infantil. Na edição de 2013, conquistou o terceiro lugar com o livro A Ilha do Crocodilo - contos e lendas do Timor Leste, de autoria de Geraldo Costa.
O Prêmio é tido como o mais importante e tradicional do mercado editorial brasileiro. Nesta fase final, a obra concorreu com outros onze finalistas.
Vencedor também do Prêmio FNLIJ 2014, Breve História de um Pequeno amor, conta a história de uma escritora que encontra um ninho com dois filhotes de pombo. Por meio de uma prosa poética, o leitor compartilha as hesitações e os sucessos de uma história de crescimento e desenvolvimento.

Como o próprio nome da obra diz, esta é uma história de amor, mas também de ciúme, aflição, paciência, saudade, preocupação, entre outros sentimentos.
Marina Colasanti, que já recebeu o Prêmio Jabuti em 2010, nasceu em Asmara, na Eritreia, país vizinho ao Sudão e à  Etiópia, mas veio para o Brasil ainda menina.

Em 1952, ingressou na Escola Nacional de Belas Artes.

Trabalhou em jornais como editora, cronista, redatora e ilustradora, dedicando-se paralelamente à literatura.
Tem mais de trinta livros publicados entre contos, crônicas, poesias, ensaios e livros infantis. Reúne em sua biografia inúmeros sucessos como: Eu sozinha, Nada na manga, A morada do ser, Contos de amor rasgados, dirigidos ao público adulto.
Em 1979, publicou Uma ideia toda azul, seu primeiro livro para crianças. Deu continuidade a esse trabalho escrevendo Doze reis e a moça no labirinto do vento, O lobo e o carneiro no sonho da menina, Um amigo para sempre, Intimidade pública, Entre a espada e a rosa, tendo ilustrado a maioria de suas obras infantis e juvenis.
fonte: Editora FTD
post: Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.