Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Curiosidades.



Betty Broadbent: uma pioneira no mundo das tatuagens


Na atualidade, é muito comum vermos mulheres tatuadas, desde adolescentes até senhoras de idades mais avançadas. Porém, sabemos que nem sempre foi assim: as tatuagens estavam, há pouco tempo, reservadas aos homens. De fato, a prática era quase exclusiva de marinheiros e presidiários e vista como símbolo de criminalidade.
Entretanto, houve na história mulheres que transgrediram essa regra. Foi o caso de Betty Broadbent, uma pioneira no mundo das tatuagens femininas, que tinha mais de 350 desenhos tatuados em seu corpo no ano de 1927.
Ao contrário do que se pode pensar, a americana nascida em Nova Jersey foi uma bela e doce moça durante toda a sua vida. Seu corpo, tatuado por inteiro, contrastava com seu delicado rosto completamente intocado e suas roupas típicas da década de 20.
O corpo coberto de tatuagens de Betty em seguida chamou a atenção. Seu primeiro trabalho foi no circo Ringling Bros. Barnum & Bailey, no qual era exibida como uma atração. Ela se dedicou ao mundo do espetáculo durante 40 anos e, em 1967, decidiu sair do foco dos holofotes por algum tempo.
Betty Broadbent foi uma das primeiras mulheres a terem seu corpo completamente tatuado e, além disso, uma das primeiras a serem tatuadas pela “nova” máquina elétrica. Após seu retiro, ela mesma acabou por converter-se em uma artista das tatuagens.
Betty faleceu enquanto dormia em 1983. Dois anos antes, ela tinha sido a primeira pessoa incluída no Hall da Fama das Tatuagens.





 
Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.