Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Sabia dessa.

Sr. Michel Dymetman (hoje com 89 anos) é um daqueles personagens que, se não existisse, teria mesmo de ser inventado. Sua história, embora pareça de um filme, ocorreu na realidade.
Sobrevivente do Holocausto e filho único, ele, que morava na Bélgica, conta a sua epopeia em sua criativa e inteligente fuga - junto com o seu pai - pela França. 
Chegou à Espanha e à Suíça  mas não conseguiu entrar. Acabou sendo levado, juntamente com o seu pai, ao Campo de Concentração. Reencontrou sua mãe lá onde, com identidade falsa, ludibriou os nazistas passando-se por tradutor, cozinheiro e até médico (entre outras), com tão pouca idade à época. Com emoção, mas também com muito bom humor, ele fala de coração e atinge, profundamente, a alma dos ouvintes.
Suas palestras costumam durar cerca de duas horas e meia a três e ninguém sequer pisca de tão interessante. Vale a pena ouvir o que ele fala aqui, ler seu livro (que é gratuito e está disponível pela internet através do site: http://www.anosdelutas.com.br/livro_a...) e também o convidarem para uma palestra.
Vermos a organização de seu raciocínio e o enredo eletrizante que magnetiza a audiência é algo que fascina em Michel. Entre inúmeras passagens interessantes, está como ele fugiu do campo, em uma das vezes, escondido no feno (foi de uma forma muito criativa, corajosa e inteligente) e como o conseguiu resgatar uma nota de 500 dólares e um broche engolidos por seu pai para esconder dos nazistas, sendo que este último, depois de consertado, ornamentou o vestido de sua neta em seu casamento.
Curta ai.


Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.