Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

quarta-feira, 31 de julho de 2013

Falando nisso.

MESTRE DO TERROR VIRA PROTAGONISTA EM LIVRO.


AUTORA LISA ROGAK ESCREVEU SOBRE DAN BROWN E ROBERT ATKINS
Chegou às lojas STEPHEN KING, A BIOGRAFIA, que conta a história do popular escritor americano
Adorado por vários amantes do terror, Stephen King tem sua história contada agora pela jornalista Lisa Rogak em “Stephen King, a Biografia – Coração Assombrado”, que chegou às livrarias.
O escritor americano, que vendeu mais de 300 milhões de livros, ganhou cerca de 50 prêmios por suas obras e inspirou diversos filmes em Hollywood como “O Iluminado” e “À Espera de um Milagre”, vira protagonista no volume.
O livro investiga de onde vêm estes fantasmas da mente de King, tentando entender o de onde vêm a inspiração do autor que assusta e fascina tanta gente com suas histórias apavorantes, há quase 40 anos.
Rogak, responsável por biografias de figuras como Dan Brown e Dr. Robert Atkin, acompanha o escritor desde sua infância difícil. Seu pai o abandonou, junto à mãe e irmão mais velho quando ele tinha apenas dois anos.
A partir daí, os três mudavam frequentemente de casa, tentando se adequar à complicada situação financeira que fazia sua mãe ter vários empregos. Ainda assim, ela tinha tempo para ser uma ótima contadora de histórias. Além disso, ela dava uma moeda ao menino por cada história que ele escrevia o que serviu de empurrão para sua paixão por livros e pela escrita.
Ainda criança, ele viu um vizinho ser atropelado por um trem, além de encontrar a avó morta, ao ser convocado para acordá-la.
Stephen King cursou a faculdade de inglês e lá começou a comercializar seu trabalho, vendendo contos a uma revista. Nesta época, conheceu sua mulher, responsável por convencer o escritor sobre a qualidade da história da estranha menina Carrie, que viraria um clássico, anos depois.
Mas o sucesso, que transportou o americano da miséria à fortuna, também o levou às drogas e ao álcool em excesso, fase que o livro, indicado ao prêmio Edgar Allan Poe de Melhor Biografia também acompanha.

Stephen King, A Biografia
Ed. DarkSide.

Regina Castro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.