Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Dica do Blogueiro.


NOVO THRILLER DE JO NESBO, AUTOR DE BONECO DE NEVE.
Escritor veio ao Brasil em dezembro para o lançamento do livro.



Com mais de 25 milhões de livros vendidos em todo o mundo e diversos prêmios por sua obra, o norueguês Jo Nesbø é um dos mais bem-sucedidos e aclamados escritores da Europa atualmente e considerado o mestre da literatura policial escandinava. 

Seus livros foram traduzidos para mais de 40 idiomas, chegando sempre ao topo das listas de mais vendidos e rendendo ao autor alguns dos mais prestigiados prêmios literários do gênero policial. Seu último livro, Boneco de neve, vendeu mais de 15 mil exemplares no Brasil em menos de um ano e deve ganhar uma adaptação para o cinema.

Em O leopardo, considerado o melhor thriller de 2009 pela Danish Academy of Crime Writers, o detetive Harry Hole troca a fria Oslo por Hong Kong, onde encontra refúgio no ópio, no álcool e nos jogos de azar para fugir de sua antiga vida. Porém, por mais que ele tente se manter afastado, um sórdido assassino consegue trazê-lo de volta à realidade. Duas mulheres são encontradas afogadas no próprio sangue, e uma terceira é morta por enforcamento. 

A cobertura da imprensa provoca grande comoção na cidade. Não há pistas do assassino, a única conexão entre as mortes é o fato de que todas as vítimas passaram a noite em uma cabana isolada nas montanhas. Conforme a investigação avança, Harry tem certeza de que está lidando com um perigoso e implacável assassino, que escolhe suas vítimas a dedo. 

Porém, ao assumir o caso, ele coloca-se também na mira desse perigoso psicopata.

“Uma narrativa enérgica, com reviravoltas de tirar o fôlego e uma trama repleta de intrigas... Esplêndido.” The Independent

“Um gigante do thriller escandinavo.” The Boston Globe

“Extremamente viciante.” Vanity Fair

O LEOPARDO
(Panserhjerte)
Jo Nesbo
Tradução: Grete Skevik
602 páginas
Preço: R$ 45,00
Formato: 16 x 23cm
ISBN: 978-85-01-05278-0
Fenômeno literário na Europa e considerado o mestre da literatura policial escandinava, o norueguês Jo Nesbø conquistou milhões de leitores — entre eles o tarimbado autor de thrillers Michael Connelly e a cantora americana Patti Smith — e vem sido aclamado pela crítica internacional por reinventar o suspense contemporâneo com raras percepção psicológica e ambição, exímia qualidade literária e profundo conhecimento da vida no mundo moderno e globalizado. 

Seus livros foram traduzidos para mais de 40 idiomas e ultrapassam a extraordinária marca de 25 milhões de exemplares vendidos em todo o mundo, chegando sempre ao topo das listas de mais vendidos e rendendo ao autor alguns dos mais prestigiados prêmios literários do gênero policial.
Comparado freqüentemente a mestres como Raymond Chandler, Dennis Lehane e o próprio Connelly, e apontado como o novo Stieg Larsson da Noruega, Nesbø — que já foi também economista e músico de sucesso em seu país — é conhecido por combinar narrativas complexas, refinadas e ambiciosamente construídas a suspense de alta voltagem, resultando em um noir poético. 

Seus fascinantes, autênticos e marcantes personagens movem-se por labirintos de mentiras, traição e maldade e trazem à tona densas discussões éticas.
Ópio, álcool e jogos de azar. É nesta tríade de autodestruição que o inspetor Harry Hole mergulha para fugir de sua vida em Oslo. 

Sozinho, ele alimenta seus vícios na esperança de que o anonimato na grande Hong Kong possa protegê-lo das indesejadas visitas do passado. 

Porém, por mais que ele tente se esquivar, um assassino sórdido pode trazê-lo de volta.
Em Oslo, duas mulheres são encontradas afogadas no próprio sangue. Aparentemente a causa da morte é um ferimento no interior da boca das vítimas. Diante do cenário hediondo, a Divisão de Homicídios não vê outra saída a não ser chamar o experiente Harry Hole.

E cabe à jovem policial Kaja Solness a difícil tarefa de convencer o inspetor a assumir o caso. 

Relutante em voltar, ele se rende apenas quando descobre que seu pai sofre de uma doença grave.
Nesse meio-tempo, uma nova vítima é localizada enforcada. 

O único traço comum entre as três mulheres assassinadas é terem passado uma noite em uma cabana isolada. 

Conforme a investigação avança, Harry tem certeza de que está lidando com um perigoso e implacável assassino que escolhe criteriosamente suas vítimas.
Para desvendar a identidade desse monstruoso serial killer e impedir outras mortes, Harry precisa, antes de tudo, lidar com os próprios demônios, que atormentam tanto sua vida pessoal quanto profissional. 

Porém, ele não imagina que, ao assumir o caso, coloca-se na mira desse perigoso psicopata.


Jo Nesbø vive em Oslo. 

É músico e economista, além de um dos escritores mais bem-sucedidos e aclamados na Europa atualmente. 

É autor de Garganta vermelha, A estrela do diabo, O redentor e Boneco de neve, entre outros títulos publicados pela Editora Record. 

Seu primeiro thriller policial estrelado pelo detetive Harry Hole tornou-se sucesso instantâneo na Noruega, conquistando o Prêmio Glass Key como melhor romance nórdico de 1988. 

O leopardo foi considerado o melhor thriller de 2009 pela Danish Academy of Crime Writers. Sua obra vendeu mais de 25 milhões de exemplares no mundo.

post: Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.