Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Coisas bacanas.



Há mais de 20 anos esse médico se veste de mendigo para tratar moradores de rua de graça.
O doutor Jim Withers, de Pittsburgh, na Pensilvânia, tem dedicado os últimos 20 anos de sua vida ao tratamento dos moradores de rua da cidade. Ele ficou conhecido como o “médico de rua”, já que ele se veste como uma pessoa sem-teto e sai à noite para prestar cuidados médicos aos reais necessitados.
O médico começou a sua prática incomum e extraordinária em 1992, juntamente com Mike Sallows, um ex-morador de rua. Os dois saíram à noite com mochilas cheias de comida, medicamentos e materiais para pronto-atendimento. Pelas suas contas, ele estima ter tratado mais de 1.200 pessoas desabrigadas por ano desde que começou.
Hoje, sua iniciativa evoluiu para uma rede nacional de estudantes de medicina e voluntários que tratam os moradores de rua, quatro noites por semana.

O serviço noturno se tornou uma organização sem fins lucrativos, a Operation Safety Net, que é uma das primeiras ONG’s a oferecer programas de medicina de rua em tempo integral nos Estados Unidos.












Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.