Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

sexta-feira, 18 de outubro de 2013

Admirável mundo torto.

Ativistas invadem instituto e resgatam animais que seriam vítimas de maus-tratos em São Paulo.
Laboratório é suspeito de usar cães, coelhos e ratos em testes para cosméticos e medicamentos
 
Ativistas invadem instituto e resgatam animais que seriam vítimas de maus-tratos em São Paulo
Foto: EDISON TEMOTEO/FUTURA PRESS / ESTADÃO CONTEÚDO
Ativistas em defesa dos animais invadiram o Instituto Royal, em São Roque, a 50 quilômetros de São Paulo, na madrugada desta sexta-feira, e retiraram do local cães que seriam utilizados em testes para fabricação de cosméticos e produtos farmacêuticos. Conforme o grupo, a empresa usaria cachorros da raça Beagle, coelhos e ratos em seus laboratórios.
Rapidamente, o movimento ganhou as redes sociais. Páginas do Twitter, Facebook e  Instagram relatavam os supostos maus-tratos no instituto. A hashtag #institutoroyal liderou o Trending Topics mundial do Twitter durante a madrugada.
Uma pesquisa do tópico no Facebook mostra diversas fotos de ativistas em frente ao local e também resgatando dezenas de cães. Pelo Instagram, centenas de pessoas e celebridades publicaram fotos e vídeos de cães feridos.
Um site cobriu o protesto e a invasão do grupo ao prédio com uma espécie de transmissão ao vivo. Às 2h03min, uma publicação nesta página republicou um comentário feito por uma ativista no Facebook."Tem cachorro aqui sem pata!", escreveu a mulher.


ZERO HORA

post: Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.