Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

terça-feira, 3 de setembro de 2013

Curiosidades.



 
Veneno assustador
Cada brasileiro consome, em média, o número assustador de 5,2 litros de veneno, por ano. Vale buscar e ver o documentário "O Veneno Está na Mesa", de Sílvio Tendler. Para quem usa Internet é fácil. Basta digitar o título no You Tube e assistir o filme em quatro partes.
O que mais incomoda é a total ingenuidade ou mesmo falta de interesse com que a população brasileira trata do assunto. De certa maneira representa uma maneira de pensar que ainda vem do autoritarismo. Algo do tipo "se o governo aprovou é porque deve ser bom" - o que não tem nada a ver com a realidade. A indústria de venenos agrícolas conta com a nossa ignorância para aprovar, com o aval de congressistas e do alto escalão dos governos estaduais e federais, substâncias de alto poder de toxicidade e proibidas no resto do planeta, para serem despejadas em nossos alimentos.
Tendler é detentor das três maiores bilheterias de documentários na história do cinema brasileiro: "O Mundo Mágico dos Trapalhões" (1 milhão e 800 mil espectadores), "Jango" (1 milhão de espectadores) e "Anos JK" (800 mil espectadores).

Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.