Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Após declarações de procurador, jornal vê Platini em perigo.


Após declarações de procurador, jornal vê Platini em perigo.
A situação de Michel Platini, atual presidente da Uefa (União das Federações Europeias de Futebol), para concorrer à presidência da Fifa, está muito complicada. 

Isso é o que afirma o jornal francês "L’Equipe", que estampa o ex-craque em sua capa nesta quarta-feira, sob o título: "Platini em perigo".
A postura pessimista em relação ao dirigente é adotada depois da entrevista do procurador-geral da Suíça, Michael Lauber, publicada pelos franceses nesta terça-feira. 

O procurador afirma que Platini é "testemunha e acusado" na investigação sobre o pagamento de US$ 2 milhões (cerca de R$ 8,2 milhões) que o francês recebeu de Joseph Blatter, presidente da Fifa, em 2011.


- Não fizemos questionamentos ao Sr. Platini como uma testemunha. Estamos investigando-o, algo entre testemunha e acusado - afirmou Lauber.
Por esta acusação, Platini poderá ser investigado pelo Comitê de Ética da Fifa, podendo ser suspenso de suas atividades relacionadas à entidade, além de perder o direito de concorrer ao cargo de presidente da mesma, prevista para ocorrer em fevereiro do ano que vem.
Platini é acusado de receber a quantia em dinheiro do presidente da Fifa de forma irregular. Porém, o francês afirma que o dinheiro foi referente a um trabalho prestado por ele à entidade entre os anos de 1999 e 2000. 

O dirigente não diz, porém, quais foram estes serviços. 

A Justiça suíça suspeita que o dinheiro teria sido um suborno para que o francês desistisse de ser candidato à presidente da Fifa, facilitando assim mais uma reeleição de Blatter. 

O procurador-geral da Suíça não quis comentar as justificativas de Platini para o caso.


- Se eu estou satisfeito ou não [com as respostas de Platini), eu não posso dizer agora porque poderia causar sério dano às investigações - disse Lauber, não descartando uma vistoria na sede da Uefa, que fica em Nyon, também na Suíça:
- Eu farei qualquer coisa para descobrir a verdade neste caso. E, se eu tiver elementos suficientes para fazer isso, não deixarei de ir até lá.

post: Marcelo Ferla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.