Seja bem vindo ao Blog do Marcelo Ferla

Informativo

Sempre gosto de lembrar aos leitores que este blog tem como intenção trazer à tona a informação, o conhecimento e o debate democrático sobre os assuntos mais variados do nosso cotidiano, fazendo com que todos se sintam atualizados.

Na medida em que você vai se identificando com os assuntos, opine a respeito, se manifeste, não tenha medo de errar, pois a sua opinião é de suma importância para o funcionamento e a real função deste espaço, qual seja, a de levar a todos o pensamento e a reflexão.

O diálogo sobre o que é escrito aqui e sobre o que vem acontecendo ao nosso redor é muito mais valioso e poderoso do que podemos imaginar.

Portanto, sinta-se em casa, leia, informe-se e opine. Estou aqui para opinar, dialogar, debater, pensar, refletir e aprender. Faça o mesmo.

Pesquisa

Custom Search

Calendário

terça-feira, 12 de agosto de 2014

Andy Schreiber.



Fotógrafa cria série documentando os desafios de envelhecer numa sociedade que cultua a juventude.
Redação Hypeness
Andy Schreiber recusa-se a desaparecer. Em um ensaio fotográfico intitulado “Pretty Please”, a mãe de meia idade documenta o envelhecimento no sentido contrário aos estereótipos obcecados dos mais novos, mas na mesma sintonia de sentir-se jovem e sexual.
As fotos de Andy Schreiber conduzem-nos para um olhar sobre a honestidade da idade no corpo físico de uma mulher de 40 anos. A primeira década que expõe, sem cerimônia, o início da mudança de imagem. “Você entra nos 40 anos e as coisas são muito diferentes: suas mudanças de perspectivas e a forma como o mundo olha para você mudam também”.
Envelhecer ou morrer, estas são nossas duas opções. Por que, então, não podemos apreciar o corpo cheio de cicatrizes de filho de uma mulher que quer ser vista? Na série “Pretty Please”, os autorretratos de Andy intercalam com imagens de sua vida cotidiana: uma gota de sangue no vaso simboliza sua fertilidade que vasa e as pernas cruzadas na meia calça preta deixam vivas sua sensualidade.
Vem ver o ensaio:

















Nas imagens, estamos olhando para Andy Schreiber e ela está olhando para nós. Esta é, definitivamente, ela mesma. Sua vida, seu corpo, seu sangue e o desejo de ser vista. Representando, assim, as mulheres de mesma idade que escolheram família, filhos e estabilidade, mas continuam sentindo-se jovens e sexuais.
Todas as fotos © Andy Schreiber
Marcelo Ferla
fonte: Hypeness

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe sua opinião.